Deficiente, sexualidade e solidão: em busca do empoderamento

* Por Jhonatan Zati Nós somos o país que mais mata pessoas LGBT no mundo. Segundo dados levantados de acordo com o GGB, Grupo Gay da Bahia, nossas estatísticas do ano de 2016 superam as do Oriente Médio e da África, em regiões em que a pena de morte por ser parte dessa parcela da população … Continuar lendo Deficiente, sexualidade e solidão: em busca do empoderamento

Anúncios